Fortes emoções na 1ª semana de Australian Open; confira a análise

O Australian Open 2019 começou triste com o anúncio da aposentadoria de Andy Murray, programada para Wimbledon. Após uma batalha digna de um guerreiro, jogando com a lesão e mesmo assim levando ao quinto set Bautista Agut. O espanhol honrando a vitória, derrotando na sequência, Khachanov que veio de um excelente 2018 e em seguida batendo o sempre perigoso Cilic, surpreendendo a todos. Agut em excelente fase joga contra Tsitsipas nas quartas de final.

O grande nome da semana sem dúvida foi o jovem grego Stefanos Tsitsipas tirando o Mestre dos Magos Roger Federer de ação. Num jogo incrível com jogadas fantásticas, Stefanos mostrou todo seu arsenal e fantástico potencial, dando evidentes sinais que veio para ficar e conquistar muita coisa. Roger perdeu várias oportunidades, inclusive um set point no quarto set, abrindo a janela para o grego.

Reprodução Australian Open

Jogo imperdível na próxima rodada de Tsitsipas e Agut. Caso o grego vença, na minha visão, estará carregadíssimo de confiança para ir mais adiante, numa possível semis contra Nadal. Excelente prova para o tenista da Grécia.

O Touro Miúra vem numa campanha implacável, ganhando seus jogos em 3 sets, um rolo compressor. Nadal está jogando muito e melhorando a cada rodada. Se estiver saudável, será difícil de ser batido, ainda mais em melhor de 5 sets. Penso que ganha fácil de Tiafoe e não perde numa eventual semis contra Tsitsipas. Na minha visão, tudo depende de sua saúde.

Reprodução Australian Open

O americano Frances Tiafoe está em tempo de graça, chegando à sua primeira quartas de final em Grand Slam, com excelente campanha tirando o favorito Anderson na segunda rodada e derrotando Dimitrov na quarta rodada.

O canadense Milos Raonic jogando uma semana impecável, sacando muito, elimonou Sascha Zverev do torneio. Zverev num jogo decepcionante e mostrando a tão comentada péssima atitude, espatifando uma raquete ao chão novamente. Penso que o alemão tem que baixar de seu salto alto, trabalhar rapidamente sua atitude e cabeça, pois já não é o isolado favorito ao próximo posto de número 1. Além de outros jovens que estão vindo com tudo, temos muito de Nadal e Djoko, principalmente, que tem bastante lenha para queimar ainda.

Outro tenista que fez um teatro de fúria ridículo foi Carreño Busta, que tenho certeza que se arrependeu no final do jogo contra Nishikori, arremessando sua termo-bag longe. Essas atitudes infantis não levam o jogador a lugar algum, só vexame. Raonic enfrenta a grata surpresa e sempre perigoso Lucas Pouille, com o francês batendo Coric, que vinha forte e com uma bela campanha em 2018.

E por fim, teremos a rodada que vai pegar fogo, entre Novak Djokovic e Nishikori. Jogo equilibradíssimo, mas penso que Djoko sairá vitorioso. Djoko vem de jogos conscientes, mesmo que às vezes esbarrando em alguma dificuldade, mas muito sólido vencendo ótimos jogadores em sequência: Tsonga, Shapovalov, Medvedev.

Reprodução Australian Open

Destaque para a volta de Berdych, com excelente atuação parando em Nadal, e o Nadal australiano De Minaur, jovem de 19 anos, com futuro próximo brilhante.

Na chave de simples feminino, destaque para a vitória de Serena Williams contra Halep, vingando sua irmã Venus, num belo jogo no terceiro set. Serena enfrenta agora Pliskova que vem confiante de vitória sobre Muguruza em 2 rápidos sets 6/3 e 6/1.

A japonesa samurai Naomi Osaka enfrenta Elina Svitolina nas quartas. Confio muito no jogo da japonesa, que disputa seu primeiro torneio de Grand Slam após a conquista no US Open. Svitolina vem de vitória num jogo de altos e baixos contra Madison Keys. Expectativa pela vitória da Samurai Osaka, excelente jogo.

Reprodução Australian Open

Outra tenista que gosto muito e sempre aposto, é Petra Kvitova que vem firme, passando o rodo em todas até agora. Enfrenta a australiana Barty que eliminou Sharapova em 3 sets num excelente jogo. Destaque para a russa Pavlyuchenkova que eliminou Stephens e a norte-americana Collins que tirou a favorita Kerber cabeça 2.

Estou numa expectativa gigante para uma possível semifinal entre Serena e Osaka. Caso aconteça, estarei com a bandeira do Japão na frente da TV torcendo. Preciso escrever para quem? Rs.

Vamos acompanhando a semana derradeira e muitas emoções. Até a próxima!

Os comentários estão encerrados.

Tema: Baskerville 2 por Anders Noren

Acima ↑

%d blogueiros gostam disto: