A eterna chama do guerreiro

A chama do guerreiro sempre presente no coração daqueles que amam o tênis

Desafios. Talvez uma das mais importantes e constantes palavras em nossa vida.

Somos movidos por estímulos constantemente para nossa vida cotidiana fazer sentido.

Confira também:

+ Quer aprender a jogar melhor mas não sabe como? Acesse o canal Edu Oncins e veja dicas exclusivas

+ Escute o último Edu Oncins Tennis Cast!

Desde pequenos somos desafiados a fazer mais, começamos a nos mover, engatinhar, andar, falar, nos relacionar e por aí vai.

No tênis, quando o bichinho pega fundo na alma, nos intriga desde o aprendizado, caminhando na evolução em todos os sentidos. Seja na evolução dos golpes, técnicas, estratégias, físico, e principalmente no psicológico num determinado nível, onde esse aspecto pesa cada vez mais.

Quando vamos evoluindo e chegamos no alto rendimento, principalmente no profissional, a sensação dos grandes jogos que realizamos, conquistas que temos, fica marcado como fogo na alma.

Talvez seja como uma droga, na qual jamais nos desligaremos para o resto de nossas vidas.

Vejo meu exemplo, durante muito tempo convivi com o sentimento de que faltou um pedaço da minha história a cumprir.

Me questionei durante vários anos sobre as opções que fiz e como me impactaram as várias dificuldades, físicas, financeiras e outras, que acarretaram não conseguir tudo aquilo que eu sabia que poderia ter alcançado.

Fui buscar em várias outras atividades uma constante compensação desse buraco que ficava e mesmo assim durante muito tempo e ainda de vez em quando acontece de sonhar que estou jogando um grande torneio ou enfrentando um grande jogador, rss.

Essa chama de jogador e desafios ainda arde e está acesa dentro de mim. É inerente ao meu ser. Penso que muitos ex-jogadores irão se identificar com o que estou escrevendo aqui.

Essa sensação melhorou e foi canalizada para o que estou fazendo nesses últimos anos em relação a passar o meu conhecimento, sentimento e experiências adiante. Estou preenchendo algo que faltava.

Amo jogar tênis, falar sobre tênis, assistir jogos. Desde pequenino é minha vida e nunca me vi fazendo outra coisa.

Será que era para ser assim mesmo? rsss

Mistérios da vida.

Fico muito feliz em conseguir passar adiante minha experiência, conseguindo me expressar escrevendo, postando vídeos e quaisquer outros projetos relacionados ao tênis.

Percebo que essa chama que tenho, impulsiona para criar, motiva a seguir em frente com alegria.

Vejo muito ex-jogadores e ex-treinadores voltando a atividades com o tênis. Pessoas que também tem essa chama, e isso é muito rico para o tênis.

Tivemos grandes tempos e momentos em nossa história com o tênis. Pena que muitas pessoas com enorme qualidade e conteúdo, tomaram outros rumos.

Será que encontraram essa chama em outras atividades que não o tênis?

Duvido que a chama desse esporte maravilhoso esteja apagada nessa turma.

E você? Qual chama que te move adiante?

Vale a pena refletir.

Esse assunto sobre a “chama do guerreiro” dá muito pano para manga e talvez escreva mais adiante sobre isso.

Grande abraço e até a próxima.

Close
Portal Edu Oncins © Todos os direitos reservados
Close
%d blogueiros gostam disto: